Está cada vez clara a participação de lideranças midiáticas como os Irmãos Marinho da Globo, lideranças politicas como FHC, lideranças do judiciário como Moro e lideranças empresarias no golpe que destruiu o Estado brasileiro e sua soberania sobre as suas riquezas naturais.  E os traidores da Pátria Amada do Brasil não terão perdão. Será preciso puni-los, inclusive representantes das Forças Armadas que estão dando suporte e logística a esse governo maldito e lesa-pátria. 



247 - Uma reportagem publicada neste sábado em O Globo escancara a participação dos EUA no golpe no Brasil. 

No texto em que noticia uma carta de apoio de deputados americanos ao ex-presidente Lula, o jornal da família Marinho entrega a informação de que o governo Trump e o Departamento de Estado apoiam a perseguição ao petista. 

"Um grupo de doze deputados americanos, todos do Partido Democrata, enviou na noite desta sexta-feira uma carta ao embaixador brasileiro em Washington, Sergio Amaral, para demonstrar preocupação com o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, marcado para o dia 24 em Porto Alegre. O documento pede que as autoridades brasileiras garantam a Lula “tratamento justo, livre e imparcial” da lei e criticam a decisão de primeira instância, do juiz Sergio Moro, que condenou o ex-presidente.

(...)

O posicionamento dos deputados difere do adotado pelo Departamento de Estado e pelo governo de Donald Trump, que afirmam que casos como este são internos do país e que o Brasil possuiu sólidas instituições democráticas. A embaixada brasileira em Washington confirma o recebimento da carta e afirmou que deve responder aos deputados na próxima semana.

"A embaixada respeita a posição dos congressistas e apresentará informações e esclarecimentos, assim como é feito com todas as comunicações do Congresso norte-americano", informou a representação brasileira na capital americana."

Nenhum comentário: