No governo dos corruptos: 100 mil pro Michel, R$ 100 mil pro Eduardo, R$ 100 mil pro Henrique

Nenhum comentário: