Sigam-me os bons.

sábado, 9 de agosto de 2014

Diferença entre multidisciplinaridade e interdisciplinaridade.

 

Uma boa contribuição sobre a diferença entre multidisciplinaridade e interdisciplinaridade.
Essa discussão parece velha, mas nunca se esgotou porque ainda estamos presos aos paradigmas no processo de ensino e aprendizagem, quando a sociedade do conhecimento (a priori, é está que está em construção, mas pouco vivenciada e entendida por poucos) o mundo, as novas mídias e os ambientes de aprendizagem vivenciam uma transdisciplinaridade, onde poucos conseguem perceber os limites entre as disciplinas nas áreas do conhecimento. 


O fato é que ainda tem muito  o que aprender quando de vivenciar a interdisciplinaridade no trabalho docente, por exemplo. 

Vou tecer alguns comentários, a titulo de preâmbulo sem ainda adentrar mais profundamente sobre este tema,  mas segue a minha contribuição a título de provocação e reflexão, sem me preocupar com argumentações mais sólidas e ancoradas nas leituras. No momento, exponho o meu entendimento sobre a questão proposta. 

E contribuindo na construção colaborativa de aprendizagem, entendo que na multidisciplinaridade não há diálogo entre disciplinas. Cada uma, de forma isolada, apresenta possíveis soluções para os problemas apresentados em determinada área de estudo. Em equipe multidisciplinar, por exemplo, o geólogo, o geógrafo, o engenheiro florestal, o agrônomo podem ser necessários para propor projeto para resolução de problemas de recuperação ambiental de áreas degradadas, cada especialista contribuindo com o seu conhecimento sobre recuperação ambiental, mas sem integração do conhecimento, ao contrário os conhecimentos utilizados para para propor a resolução do problema estão isolados, cada qual na sua área de competência.
 
Na interdisciplinaridade, o projeto sobre recuperação ambiental seria fruto de integração de conhecimento em visão globalizante do problema. No referido projeto as questões estão articuladas em uma ou mais áreas do conhecimento na proposição da resolução do problema – recuperação ambiental. 

Nesse sentido, as disciplinas se articulam dentro da realidade proposta – recuperação de áreas degradadas, por exemplo, em processo de conhecimento mais estruturado, posto que os conceitos trabalhados no projeto estão organizados em âmbito mais global (não estarei falando de geologia, geografia, engenharia florestal, talvez estejamos falando de ciências ambientais, etc, onde também as estruturas metodológicas na resolução do problema proposto estejam compartilhadas por estas disciplinas.
Abraços.
Luis

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Para mudar Russas como Lula mudou o Brasil

Para mudar Russas como Lula mudou o Brasil

Lula fala aos russanos:

Força Lula

Governar é cuidar do povo

Pela valorização do magistério

Blogs Russanos

O PT tem os defeitos de todos os partidos, mas nenhum tem as suas virtudes.

Image and video hosting by TinyPic

Privataria Tucana