Sigam-me os bons.

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

João Paulo lança Revista e esclarece pontos obscuros da AP 470

Um emocionante discurso marcou o lançamento da revista A Verdade, nada mais que a verdade sobre a AP 470, pelo deputado federal João Paulo Cunha, na tarde desta quarta-feira, 11 de dezembro. Após longo processo de reclusão e silêncio, João Paulo afirmou, que na condição de homem público, é hora de se manifestar e apresentar as provas que confirmam que a sentença que sofreu  foi injusta e juridicamente equivocada. Logo após o lançamento da publicação João Paulo discursou na tribuna da Câmara.



Veja a revista na integra no link abaixo
joaopaulo.org.br/index.php/publicacoes/detalle/Joo-Paulo-Lanca-A-Revista-a-Verdade-Nada-Mais-Que-A-Verdade-Sobre-A-Aco-Penal-470
"Essa revista tem sido amadurecida a alguns meses, após ter manuseado documentos percebemos que a AP 470 contém barbaridades que extrapolam os limites do bom senso. É uma farsa completa, uma farsa teatral e o que a revista tenta mostrar hoje é uma parte desta farsa. "Faço isso também como uma prestação de contas aos meus eleitores, aos companheiros deputados que sofrem muito com esta questão, e é pra termos uma ferramenta para trabalhar e mostrar a verdade às pessoas", disse.
Uma das contrariedades apontadas pelo documento diz respeito a distorção de fatos, quando diz que o deputado trouxe uma agência de publicidade para a Câmara, quando na verdade a agência já existia e operava na Câmara. E em seguida aponta desvio de cerca de R$ 500 milhões em verbas publicitárias.



"O supremo terá que dizer de onde eu desviei, se é crime contra o patrimônio há de ter uma ação para ressarcir os cofres públicos. O que ele imputou como desvio é o que o mercado publicitário prática no Brasil inteiro. Na câmara não foi diferente. Nesse raciocínio, veículos como TV Globo, o grupo de emissoras SBT, TV Record, RTV Bandeirantes Abril Cultural, Folha da Manhã, Correio Braziliense, Fundação Victor Civita teriam que devolver aos cofres públicos o valor supostamente desviado", disse.
"Não tenho nenhum medo de assumir meus erros e o que faço mas deverão provar onde estão os desvios e como chega a esse valor”.
A publicação traz a lista completa dos fornecedores com os respectivos valores supostamente desviados, que constam nos autos do processo.
"Essa é uma luta que não terminará agora, para nós do PT ela continuará por muitos anos. Prendendo o Zé, Genuíno. Me prendendo vai acabar? Não vai acabar. Vou cumprir aquilo que me foi designado. Quero que os companheiros da bancada fiquem firmes porque a minha força é olhar para fora e ver as pessoas mais fortes ainda. Quem me conhece sabe do meu coração e o que eu faço e quem não me conhece, peço que possam me conhecer e saber a verdade desta história e a verdade sobre esta ação”, disse, concluindo: não quero ser um filho da dor e sim o filho da esperança, um filho do Brasil”.

Ouça no link abaixo o discurso do deputado João Paulo durante o lançamento da revista

joaopaulo.org.br/index.php/audios
 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Para mudar Russas como Lula mudou o Brasil

Para mudar Russas como Lula mudou o Brasil

Lula fala aos russanos:

Força Lula

Governar é cuidar do povo

Pela valorização do magistério

Blogs Russanos

O PT tem os defeitos de todos os partidos, mas nenhum tem as suas virtudes.

Image and video hosting by TinyPic

Privataria Tucana