Sideval Jr.: O golpe de Gurgel para prender Dirceu

Viomundo
Foto José Cruz, Agência Brasil
O plenário [do STF] estava pronto para deliberar. Celso de Mello deu uma última chance ao PGR [Roberto Gurgel], para salvar-lhe a decência e a lealdade processual, instando-o a colocar em pauta o pedido de prisão.
Mas o PGR destoou da tradição democrática do MPF e preferiu esperar para atribuir a decisão a um único homem: o plantonista [Joaquim Barbosa]. Muito conveniente, sr. Procurador-geral. Que vergonha…
Se isso não é golpe, o que será?
 
PS do Viomundo: Como se ninguém tivesse percebido… O painel da Folha de S. Paulo diz nesta quinta-feira que Gurgel tinha apenas 3 dos 9 votos para obter a prisão dos condenados, se tivesse atendido ao pedido de Celso de Mello e submetido o pedido a votação na sessão final do julgamento.

Nenhum comentário: